21.2.10

Abrigo

seu cheiro ainda me falta;

foi um prazer rever seu sorriso,

o seu falar, o seu olhar...

desculpa a pieguice de um parco sentimento de mão única.

você é, ainda, o meu único abrigo.