5.11.04

Verdes

Eram verdes, verdes fracos, mas verdes,
Olhos que transparecem um alguem perdido no meio de um mundo perdido,
Um olhar fraco, porem hipinotizante que revela um coração apaixonado e triste ao mesmo tempo, Ima alma de criança imersa na ignorancia adulta de viver, olhos que revelam o desejo de uma vida ardente e nova, diferente da logica comum,
Olhos que revelam a inteligencia perdida de um alguem perdido num mundo triste e melancolico mas que anseia a felicidade atraves da paixão,
olhos que revelam a ansia de todos os seres humanos, a ansia de amar e ser amado, olhos jovens, bonitos e profundos...