9.5.08

estou imerso
num mar
de sentimentos
paradoxos

imerso
num mar
entre
a dor e o prazer

imerso
no mar
entre
a poesia e a prosa

no mar
entre
o sexo e o amor

no mar entre
a razão e a emoção

entre o que eu quero
e o que eu sinto

estou imerso
me afogando
quase morrendo
vítima
do seu furacão